terça-feira, 18 de julho de 2017

Quando o bebé passa a dormir no quarto do irmão

Nós gostamos de quartos partilhados. Nada como as conversas entre irmãos antes de dormir, os risinhos baixinhos porque os pais pensam que já estão a dormir, as partidas de manhã para acordar o outro. A partilha de um espaço, achamos nós, reforça a relação entre os irmãos, (crescemos ambas em quartos partilhados com irmãs) dá-lhes espaço mas também exige respeito pelo espaço do outro. Partilham as tristezas e alegrias, confiam segredos...

Claro que também há muitas vantagens em ter um quarto para cada filho. Vai depender sempre de cada família.

O crush desta semana é um quarto partilhado entre irmãos. Um já mais crescido e outro bebé.
Nestes casos em que ambos estão em fases tão diferentes é necessário criar zonas específicas para cada um mas simplificando. Isto porque pode haver um espaço em casa destinado às brincadeiras/ao estudo, ou porque pode ser uma situação temporária, ou outro motivo qualquer. E por isso é importante que o espaço fique confortável, com o mobiliário mesmo necessário para que não fique demasiado cheio.

Neste caso percebe-se que é apenas um espaço para dormir e ficámos rendidas a vários detalhes.
A delicadeza do candeeiro de tecto com ventoinha, a caminha de grades como peça statement do quarto, o toque country sem ser exagerado, a mistura de padrões.













Fonte:  Lay baby lay

Para ajudá-la a recriar este quarto poderá optar por estas peças.

Cortinado - La Redoute
Cama de grades - Oeuf
Quadro - Ikea
Candeeiro mesa - This Little Room
Muda fraldas - This Little Room
Cadeirão e pufe - This Little Room
Cesto - This Little Room
Moldura dourada - Ikea
Poster Cão - Oeuf
Cama criança - La Redoute
Mesa de cabeceira - This Little Room
Banco - This Little Room
Manta - This Little Room
Tapete - This Little Room
Almofada arco iris, redonda amarela e carro - Oeuf
Restantes almofadas - This Little Room
Cómoda - Ikea
Prateleira - Ikea

Para informações sobre projectos e peças:
geral@thislittleroom.pt

Beijinhos,
Kátia e Miriam

segunda-feira, 10 de julho de 2017

«Crush» da semana

A partir de agora todos os meses vamos escolher um quarto de criança que nos apaixone e daremos sugestões de shopping para recriar o estilo desse mesmo quarto. As peças sugeridas poderão ser  tanto da This Little Room como de outras marcas. Será o nosso crush da semana ou do mês. :)

Esta semana ficámos rendidas a este quartinho.


Adoramos os apontamentos de verde e rosa, as cabeceiras DIY, a delicadeza na combinação das cores. O facto de haver muito branco, as molinhas a segurar fotografias, a secretária suspensa...
e poderíamos continuar. :)







Fonte: Pinterest


Cabides branco, cinza e menta - This Little Room
Manta verde menta - This Little Room
Macramé - This Little Room
Cadeira para secretária branca - This Little Room
Cadeira bambu amarela - This Little Room
Almofada amarela - SNUGme
Almofada Pow - This Little Room
Cabeceira menta - El Corte Ingles
Candeeiro branco de parede - This Little Room

Para mais informações: geral@thislittleroom.pt

Beijinhos,
Kátia e Miriam





segunda-feira, 26 de junho de 2017

Quarto das manas - As fotografias

Hoje trazemos, finalmente, as fotografias do quarto de duas meninas que já falámos aqui e aqui.



















Gostam? :)

Fotografia: Liete Couto Quintal

Para informações sobre projetos:
geral@thislittleroom.pt

Beijinhos,
Kátia e Miriam


quarta-feira, 21 de junho de 2017

Projecto This Little Room - Quarto das manas

Hoje o projecto que vamos desvendar tem duas protagonistas: duas manas de 2 e 5 anos que adoram a Primavera, brincar de princesas e que precisam de espaço para usar os seus vestidos rodados.
O quarto é grande e perfeito para ser partilhado. 

Os pais deram-nos liberdade total para lhes sugerirmos um espaço que os maravilhasse e nós esforçámo-nos para isso mesmo.

Quisemos mostrar uma proposta diferente do esperado, a começar pelo Layout.
Mudámos a localização das camas (únicas peças existentes no quarto) e isso criou uma amplitude que não havia antes, para que tenham espaço à vontade.

A Primavera foi trazida no papel de parede e nos pequenos detalhes decorativos.
Este papel feminino e floral foi proposto nas duas paredes principais,  a meia altura, de modo a estar presente na medida certa, sem ser excessivo. As camas ficaram encostadas a uma parede estofada, para protecção e conforto.

Quisemos propor um verdadeiro refúgio, com leveza, conforto, luz e equilíbrio perfeito entre cores, texturas e padrões.

As meninas são pequenas mas não nos foi possível projectar à medida das suas idades. Ficámos condicionadas pelas camas que já existiam e que servem também para as visitas. Mas não quisemos deixar de incluir elementos de fantasia e detalhes a pensar no presente e num futuro próximo: o cabide para os vestidinhos, o móvel de apoio lego, o banquinho com assento em crochet, a iluminação de tecto e de mesa, as luzes de presença, o pufe, os detalhes das almofadas, cestos de arrumação, os dosséis, flores de tule....tantos detalhes dignos das duas princesinhas.

Duvidamos que as manas queiram sair do seu quartinho, por uma noite que seja... :)

Os pais adoraram e não mudaram nada!
Este projecto está concluído e fotografado. E muito brevemente mostraremos o resultado.
Certas que irão gostar tanto quanto nós.







Beijinhos,
Kátia e Miriam

segunda-feira, 29 de maio de 2017

Passagem da cama de grades para a cama mais baixa - Room Styling Online

A partir dos 2 anos, a maioria das crianças já não conseguem acordar e manter-se sossegadas no berço. Muitas vezes, ainda antes de os pais terem tempo de os acordar,  já estão prontas a trepar as grades.
A preocupação com o evitar acidentes é um dos motivos pela escolha de camas mais baixas para esta fase, para além dos motivos relacionados com a independência da criança, defendidos no método montessoriano (pelos quais nós tanto nos guiamos).
Uma cama rente ao chão causa inicialmente alguns receios mas, de acordo com as várias experiências que partilham connosco (e a nossa própria experiência), esta alteração é muito positiva. As crianças sentem-se mais seguras e os pais também.
Aquela pequena liberdade que lhes é dada, é excelente para seu desenvolvimento.
A cama montessoriana torna-se também cenário ideal para brincadeiras e leituras de histórias com os manos, primos ou amigos. Se tiver um design “divertido”, melhor ainda.
Com base nisto, partilhamos as nossas escolhas para um Room Styling Online,  de um pequenote que está a ficar crescido e está pronto para deixar o berço.




Candeeiro de penas branco
Prateleira comboio
Cama baixa
Candeeiro nuvem
Papel de parede nuvens e estrelas
Almofada cinzenta com pompons
Almofada cinza lisa
Estante cinza
Cesto verga
Grinalda de luz
Tapete tranças lavável
Mesa de apoio

Tudo à venda na This Little Room.
Para mais informações sobre as peças deste quarto ou este serviço de Room Styling envie-nos um e-mail para:
geral@thislittleroom.pt

Beijinhos,
Kátia e Miriam



terça-feira, 23 de maio de 2017

O quarto do Manel

Sempre que começamos a projetar um quartinho, pensamos em todos os detalhes para que nada falhe.

Durante a fase de projeto, existem uma série e varáveis, entre a ideia e o projeto final.
O tempo disponível, as dimensões do quarto, o orçamento dado pelos pais, o aproveitamento ou não de peças que já existem... Tudo isto influencia o projeto. E quando acrescentamos uma parceria com uma marca surgem outras variáveis tão importantes quanto as que já foram referidas.

A La Redoute lançou-nos o desafio de projetarmos o quartinho para o bebé da Margarida da Style it Up.
Ficámos entusiasmadas! É o que mais gostamos de fazer.

A Margarida é super simpática e deixou-nos logo à vontade. Depois de nos reunirmos em sua casa, percebemos que, como todas as mães, existem uma serie de dúvidas e indecisões normais, quanto ao espaço do bebé.

A futura mamã  imaginou o quarto do Manel muito clean, com muito branco, cinza e alguns detalhes de amarelo.
Inicialmente pensámos em aproveitar e experimentar em projeto uma cómoda lindíssima, antiga, em madeira, muito pela questão da arrumação (e valor sentimental) - tão importante para a mamã, já que todos os roupeiros da casa estavam bastante ocupados e sobrava pouco espaço. Mas a peça era muito colonial e isso acabaria por influenciar o projeto final.
Apercebemo-nos que teríamos de descartar essa hipótese.)

O ideal seria que o quarto tivesse pelo menos 20 m2, não houvesse limite de orçamento e que todas as peças que idealizámos estivessem todas disponíveis em stock... :) Mas a realidade é sempre diferente da idealização. E por isso é que também tem graça.

Depois de várias experiências: estantes de vários tipos (juntas e em separado), reposicionamento de todo o mobiliário que foi várias vezes testado... esta foi a solução escolhida pela Margarida. Optámos por incluir um roupeiro, que será fundamental, para assegurar o máximo da arrumação, tão necessária.

Estas são as imagens 3D do quartinho, que permitem aos pais perceberem claramente como ficará o espaço depois de tudo montado, na fase actual e mostrando também as adaptações e forma de tirarem melhor partido do mesmo, numa fase mais crescida. (Incluímos sempre nas apresentações de quartos de bebé, esta fase posterior, por acharmos fundamental.)

Estamos ansiosas pela concretização deste projeto. É nesta fase que adicionamos detalhes, ajudamos a compor o espaço com as roupas, produtos, brinquedos e livros do bebé. E damos dicas aos pais, de como poderão arrumar tudo da melhor forma.
Decoração e arrumação andam de mãos dadas. E nós (gosto pessoal) gostamos de tudo bem organizado. O ambiente fica mais leve, e chegamos a tudo com imensa facilidade.

Por agora, esperem para ver todo o detalhe fotografado deste quartinho, que vai ficar lindo e pronto a tempo de receber o pequeno Manel.

Quartinho do bebé 





Quartinho do menino
(Versão para uma fase mais crescida)



Para informações sobre projetos, envie-nos e-mail para geral@thislittleroom.pt

Beijinhos,
Kátia e Miriam

terça-feira, 2 de maio de 2017

DIY - Tapetes divertidos

Hoje trazemos um DIY simples e que vai divertir bastante os mais pequenos e pequenas aí de casa.


Vai precisar de:

1- Este tapete IKEA (sugestão)
2- Tinta preta para tecido
3- Caneta de tinta branca para tecido
4- Fita protetora para pintura
5- Pincéis



Cubra as zonas desejadas com a fita. De seguida desenhe as pistas com um lápis. Depois é só pintar com a tinta preta. Tenha cuidado para não usar a tinta directamente no tapete. Molhe o pincel na tinta e vá pintando aos poucos.

Deixe secar completamente antes de remover a fita adesiva. No fim, pinte as riscas da pista com uma caneta de tinta branca.

Fácil não é?

Créditos: Little Inspiration

Beijinhos,
Kátia e Miriam